Oficial: Microsoft libera jogos usados no Xbox One


Empresa parece estar disposta a rever políticas para ganhar espaço na guerra contra a Sony

imageA Microsoft está disposta a modificar suas políticas para fazer o Xbox One um console mais amigável. Após receber inúmeras críticas por restringir a liberdade dos usuários, a companhia alterou a sua estratégia de DRM e restrição de jogos usados, bem como a necessidade de conexão à internet.
Agora o site  oficial da Microsoft traz a confirmação de que o console não terá mais exigência de conexão ou checagem online a cada 24 horas para rodar jogos; sem bloqueio de região; sem restrições para jogos usados ou emprestados.
A conexão seria pedida apenas quando o console for configurado pela primeira vez, de forma a permitir o acesso offline aos recursos de jogos posteriormente.
Também foi confirmado que a instalação de jogos no HD do console não será mais obrigatória. Desta forma, o disco voltará a ser necessário para rodar um jogo, diferente do que havia sido anunciado anteriormente.
Além disso, a empresa reafirma que continua com o plano de lançar todos os jogos simultaneamente em disco e em meio digital. O game em disco poderá ser compartilhado livremente, mas aqueles comprados em mídia digital estarão vinculados a apenas uma conta, como acontece atualmente com o Xbox 360.

Reclamações
Desde maio, quando a empresa anunciou o Xbox One, a Microsoft recebeu todo tipo de reclamação pelo seu novo console. As principais giravam em torno da restrição à troca e revenda de jogos e a obrigatoriedade de acesso à internet a cada 24 horas para jogar, mesmo uma partida single-player offline.
A empresa se manteve impassível sobre as decisões, mesmo vendo a reação negativa do público. Entretanto, após a E3, na semana passada, a companhia parece ter mudado de ideia, uma vez que a Sony, fabricante do Playstation 4 caiu nas graças dos gamers por não restringir o usuário em nada do que havia sido anunciado no Xbox One.

Via Olhar Digital