China: derruba proibição aos consoles


Mais de dez anos após proibir o comércio de videogames em seu território, a China anunciou que abrirá as portas a este mercado.
Empresas em operação na nova zona de livre comércio de Xangai poderão vender consoles pelo país, mesmo que cada modelo tenha de passar pelo crivo do Ministério da Cultura.
Capturar

Os consoles foram banidos da China em 2000, graças ao aval de sete ministros que temiam seu efeito nos jovens.
A atitude, claro, só tirou os consoles de lojas oficiais, mas eles permaneceram à venda em mercados alternativos.

Mesmo assim, conforme destaca o Wall Street Journal, os consoles não são tão populares quanto os jogos de computador, que ganharam destaque por causa do veto, estimulando o que hoje é um bem desenvolvido setor de cibercafés.

As regras referentes a essa nova zona franca serão definidas ao longo dos próximos três anos e não se sabe ao certo quando a abertura aos games chegará.

image
image
image

Fonte Olhar Digital