EA Games: adquire os direitos da Champions League e Libertadores para a serie FIFA para os próximos 3 anos


EA Games: adquire os direitos da Champions League e Libertadores para a serie FIFA para os próximos 3 anos
Em uma negociação que se arrastava já desde Novembro passado, a Eletronic Arts garantiu as licenças dos torneios da Conmebol e da UEFA para as próximas três edições da série FIFA. A ausência dos torneios da UEFA se davam pela opção da desenvolvedora canadense em lançar UEFA Champions League e Europa League como um game separado do “pacote” anual da franquia.

Com a EA optando por lançar FIFA por um preço mínimo, dando ao consumidor a opção de baixar a DLC que ele quiser, contendo as competições e Game Modes que ele desejar para seu game, UEFA e Eletronic Arts chegaram a um acordo. Em relação a Conmebol, os desencontros deste ano minaram completamente a relação entre Konami e os torneios da América do Sul.

Erik Bladinieres jogou nas costas dos japoneses a má representação do torneio no game e culpou Manorito Hosoda e Toru Kato pelos desentendimentos que deixaram Recopa e Copa Sul Americana de fora de PES 2014. Há muito tempo a Konami recebe reclamações dos fãs sobre como equipes e torneios daqui do continente são mal retratados no game. A obrigação de levar dados mais apurados, mais polidos sobre o conteúdo daqui é do trio Bladinieres-Vera-Bronzoni.

A Konami é uma mãe para esses caras.

Seu time é mal retratado no game, está com erros em seus kits de uniformes? Erros no regulamento das competições? Estatísticas? Bom, agora você já sabe de quem é a culpa.

Pro Evolution Soccer caminha para sua extinção? Pode crer que o trio acima leva grande parte da conta pelos fracassos em termos de marketing, produção e representação do game por essas bandas.

Azar o nosso…

[…]

PES ainda conta para a edição 2015 com as competições da UEFA e Conmebol, mas não mais com exclusividade. Para finalizar, a baixíssima aceitação da AFC Champions League no Ocidente pode fazer com que ela esteja disponível apenas na edição japonesa do game a partir de PES 2015.

Enquanto isso, é forte o boato de aquisição das ligas da Rússia e Grécia para este ano; aguardemos mais alguns dias para checar a veracidade da informação, embora a fonte seja das melhores, a Famitsu, tradicional revista japonesa de games.

Via PESBR